Lide

Neste site, você vai conferir um pouco do trabalho que eu desenvolvo como jornalista, profissão que tomei pra mim desde os 15 anos de idade. Este registro começa exatamente 10 anos após a melhor e mais acertada escolha da minha vida; por isso, parte do que eu produzi em poucos anos de atuação não é mais acessível.

Mesmo assim, vale à pena contar sobre o meu percurso na Comunicação, iniciado em 2004, poucos meses após ter ingressado na faculdade de Jornalismo. A empolgação por ‘meter a mão na massa’ me fez adentrar no mundo das Rádios Comunitárias, trabalhando com funções que eu nem sabia o que significavam, em vias de fato. No final das contas, juntamente com uma equipe de calouros, eu fui pauteira, repórter, produtora e editora de um programa semanal, que durava 20 minutos no máximo.

Também como estudante, tive a audácia de me envolver com um grupo de RP’s e colocar na rua a empresa Autêntica Comunicação, cujo o único ano de atividade foi relacionado a cerimoniais de eventos. Desde então, percorri assessorias, onde também produzi revistas, e voltei a trabalhar, alternadamente, com rádio. Um dos mais recentes trabalhos foi com Análise de Mídias Sociais, área à qual anseio voltar, pois me alertou para a necessidade de ser uma profissional hipermidiática. Hoje, produzo reportagens para web e mídia impressa, em Assessoria de Imprensa, e faço o estilo ‘cozinho pra fora’ trabalhando com freelas.

Ou, para resumir de um modo menos formal:

Mulher apaixonada, jornalista à beira de um ataque de nervos, metida a radialista e RP, maniqueísta: um estereótipo qualquer.

Anúncios